Você está em:

“Um estudo para identificar participantes com câncer urotelial e aberrações gênicas do receptor do fator de crescimento de fibroblastos”

Critério de inclusão:

Carcinoma de células transicionais do urotélio. São permitidas variantes do carcinoma de células uroteliais (UCC), ou seja, UCC com diferenciação escamosa e / ou glandular, micropapilar, aninhada, plasmocitoide, neuroendócrina e sarcomatóide
Diagnóstico de um dos seguintes: a) Câncer urotelial metastático ou cirurgicamente irressecável (UC) (Estágio IV) ou, b) UC ressecável cirurgicamente ou ressecado com uma classificação T de T2 ou superior que apresentam alto risco de progressão para avançado doença conforme avaliada pelo investigador ou, c) Carcinoma urotelial não invasivo do músculo da bexiga (Ta, T1 e carcinoma in situ [CIS])
Amostra de tecido de arquivo disponível para análise de aberração do receptor do fator de crescimento de fibroblastos (FGFR).

Link do estudo: https://clinicaltrials.gov/ct2/show/NCT03955913?term=42756493BLC0002&recrs=ab&draw=2&rank=1

GRUPO ONCOCLíNICAS. SUA ViDA, NOSSA VIDA.

Responsável técnico: Dr. Bruno Lemos Ferrari | CRM-MG 26609