Você está em:

Impactos do câncer de mama em mulheres jovens é destaque no 7º Simpósio

Além do combate à doença, especialistas ressaltam necessidade de um olhar individualizado durante e pós tratamento.

 

O Brasil somará cerca de 60 mil novos casos de câncer de mama em 2019, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA). Considerando dados mundiais, esse tipo de tumor afeta 2,1 milhões de pessoas por ano, de acordo com o Globocan 2018, um estudo da Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer.

 

Deste total, em torno de 7% dos casos afetem mulheres abaixo dos 40 anos. “O câncer de mama em mulheres jovens deve ser tratado de maneira muito especial, com atenção aos detalhes. Isso porque esse tipo de tumor em pessoas jovens costuma ser mais agressivo e impacta muito na vida hormonal, com consequências que podem ser duradouras para o resto da vida da paciente”, diz Sergio Simon, oncologista do Grupo Oncoclínicas em São Paulo e presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC).

 

A opinião é compartilhada por Ann Partridge, oncologista e coordenadora do Programa Young & Strong do Dana-Farber Cancer Institute – totalmente voltado para mulheres jovens com diagnóstico de câncer de mama -, é preciso abordar as necessidades peculiares que mulheres jovens com câncer de mama enfrentam desde o diagnóstico, mas principalmente durante e depois do tratamento. Ou seja, servir como guia para melhorar a qualidade de vida delas.

 

“Precisamos estar atentos a questões emocionais críticas relacionadas ao diagnóstico e aprender sempre mais para que possamos ajudá-las a encarar melhor a doença”, frisa a médica norte-americana, que esteve no Brasil para palestrar sobre o tema durante o 7º Simpósio Internacional Oncoclínicas.

 

Para esse público, os diversos tratamentos indicados podem afetar de alguma forma a fertilidade, provocando sintomas de menopausa precoce, por exemplo. Por isso, os especialistas  reforçam que é essencial levar informações para essas mulheres, tanto sobre suas doenças, quanto sobre os tratamentos e as possíveis consequências na vida pessoal, profissional e daqueles que estão à sua volta.

 

GRUPO ONCOCLíNICAS. SUA ViDA, NOSSA VIDA.

Responsável técnico: Dr. Bruno Lemos Ferrari | CRM-MG: 26609