Você está em:

ASCO apresenta novidades no tratamento de Mieloma Múltiplo

Uma das principais novidades apresentadas na ASCO 2018 refere-se ao significativo avanço no tratamento do Mieloma Múltiplo, câncer sanguíneo que afeta a medula óssea. Alguns estudos expostos no Congresso indicam que certas doses de medicamentos, aumentadas com segurança, podem proporcionar uma excelente resposta para os pacientes. Outra novidade foi a positiva combinação de drogas novas.

 

“Os resultados foram extremamente animadores, especialmente em pacientes que já receberam várias linhas de tratamento”, comenta o Dr. Bernardo Garicochea, oncohematologista e especialista em genética do Grupo Oncoclínicas.
De acordo com ele, esse tipo de câncer – que recebeu o aporte de cerca de oito drogas nos últimos anos capazes de modificar completamente o tratamento, a sobrevida do paciente e o controle da doença – não contava com um protocolo estabelecido. “Não se tinha clareza sobre qual era a melhor ordem de colocação desses medicamentos no tratamento do Mieloma, quem eram os pacientes que se beneficiariam mais com uma droga ou outra e se era possível combinar  todas elas”, explica o oncologista.

 

Para o Dr. Bernardo, o Congresso da ASCO está elucidando muitas dessas questões. “Saio muito otimista desse congresso no quesito Mieloma Múltiplo, pois acredito que realmente essa doença hoje atinge um outro patamar em sua forma de tratamento e na expectativa de vida, talvez até de cura dos pacientes”, afirma.

GRUPO ONCOCLíNICAS. SUA ViDA, NOSSA VIDA.

Responsável técnico: Dr. Bruno Lemos Ferrari | CRM-MG: 26609