Você está em:

Glossário

PLAQUETOPENIA

Também chamada de trombocitopenia, é a diminuição do número de plaquetas no sangue.
A plaquetopenia pode surgir em decorrência de diversas situações clínicas, incluindo doenças do sistema imunológico, infecções, deficiências vitamínicas e doenças hereditárias. Pequenas variações abaixo dos padrões podem ser normais, não refletindo necessariamente a presença de uma doença.
Além disso, a plaquetopenia pode ser um efeito colateral de certos medicamentos, incluindo algumas drogas usadas no tratamento do câncer.
Em geral, a plaquetopenia não causa sintomas, sendo diagnosticada apenas no exame de sangue. Os sintomas, quando presentes, podem incluir o surgimento de manchas arroxeadas pelo corpo, além de sangramento da gengiva e da mucosa nasal.
Em alguns casos de plaquetopenia induzida pela quimioterapia, a redução da dose de quimioterapia pode ser suficiente para a reversão da plaquetopenia. Em outros casos, pode ser necessária a interrupção temporária do tratamento. Atualmente, existem medicamentos que podem prevenir e tratar a plaquetopenia, estimulando a produção de plaquetas. Esses medicamentos são conhecidos como fatores de crescimento hematopoiéticos. O tratamento da plaquetopenia ocasionalmente pode incluir a transfusão de plaquetas.

GRUPO ONCOCLíNICAS. SUA ViDA, NOSSA VIDA.

Responsável técnico: Dr. Bruno Lemos Ferrari | CRM-MG: 26609