5672, 5672, cecon, cecon.svg, 1292, https://www.grupooncoclinicas.com/cecon/wp-content/uploads/sites/10/2019/11/cecon.svg, https://www.grupooncoclinicas.com/cecon/cecon-4/, , 1, , , cecon-4, inherit, 0, 2019-11-26 19:17:04, 2019-11-26 19:17:04, 0, image/svg+xml, image, svg+xml, http://www.grupooncoclinicas.com/cecon/wp-includes/images/media/default.png, 0, 0, Array
Você está em:

Especialistas do Cecon/Oncoclínicas alertam a importância da Campanha Novembro Azul

No Espírito Santo, 1.510 homens podem ter câncer de próstata em 2019 e especialistas abordam novidades no tratamento da doença e destacam a importância da prevenção em palestras

Segundo a estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o Espírito Santo pode fechar o ano de 2019 com 1.510 casos de câncer de próstata. Visando esse dado e com o objetivo de alertar a população sobre a importância da prevenção, durante o mês de novembro – período em que são desenvolvidas ações de prevenção contra o câncer de próstata – especialistas do Centro Capixaba de Oncologia (Cecon/Oncoclínicas) apresentam palestras em empresas e comentam sobre novidades no tratamento da doença.

O urologista do Cecon/Oncoclínicas Carlos Segall ministrou no último sábado (9), palestra sobre Novembro Azul, com o tema “A saúde do homem e sua próstata”, para a Primeira Igreja Presbiteriana de Vitória.

Além de Dr. Carlos Segall, outros médicos também vão alertar durante o mês de novembro, algumas empresas parceiras da clínica. A ação é realizada com o objetivo de levar informação e conhecimento para a prevenção da doença. Além disso, é importante alertar a população sobre os benefícios da adoção de hábitos de vida saudáveis e da realização regular de exames preventivos.

Segundo o oncologista clínico do Cecon/Oncoclínicas Gláucio Bertollo, Novembro Azul é uma campanha que desperta a atenção dos homens sobre a importância da prevenção. “A proposta é incentivar os nossos pacientes e também os participantes de todos os eventos sobre o quanto é valioso se prevenir, indo periodicamente ao médico”, disse o médico.

O oncologista comenta sobre novidades nos tratamentos do câncer de próstata. “A partir do momento que o câncer não está localizado, quando há metástase ou a doença já espalhou entram outras opções de tratamentos, como a hormonioterapia.

A hormonioterapia consiste na privação de andrógenos com o objetivo de reduzir o nível dos hormônios masculinos no corpo. “Como os andrógenos estimulam as células do câncer de próstata a crescerem, no tratamento do câncer de próstata avançado sua supressão é importante”, explica o médico.

“Quando a gente faz outro tratamento, como a radioterapia, fazemos a hormonioterapia junto e muitas vezes faz com que os tumores diminuam de tamanho ou cresçam mais lentamente por um tempo. No entanto, apenas a hormonioterapia não cura o câncer de próstata. Pacientes respondem ao tratamento, inicialmente, com controle de sintomas, aumento de sobrevida e melhora na qualidade de vida”, acrescentou Dr. Gláucio Bertollo.

GRUPO ONCOCLíNICAS. SUA ViDA, NOSSA VIDA.

Responsáveis técnicos:
Dr. Roberto de Oliveira Lima | CRM-ES: 2243
Dr. Bruno Lemos Ferrari | CRM-MG: 26609